Ogum, traga-nos a Paz com tua Espada de Luz - 23 de abril: salve Ogum

Atualizado: há 2 dias



Ei, meu Pai Ogum, teus filhos estão cabisbaixos. Há um vírus matando nossa gente junto com o descaso existente em tudo que é público nesta Pátria. Sabemos que estás presente em todos os metais manuseados por teus soldados que atuam nos hospitais.

Há pais e mães sem emprego e esperança. Há jovens retornando ao Orun precocemente pela doença que assola o mundo.

Há fome material e espiritual, Pai!

Há balas perdidas que acham inocentes e guerreiros de tua cavalaria.

Há crianças sendo torturadas e assassinadas por detrás das cortinas de luxo e terror.

Há roubo, Pai! Homens poderosos roubam-nos a paz, a saúde, o trabalho, a dignidade e os sonhos, interferindo diretamente nos processos de cura!

Roubam-nos o direito sagrado à vida e à verdade.

Pai, o medo nos ronda, tirando-nos o sono e os sonhos .

Clamamos por tua intercessão e misericórdia neste dia consagrado a teu irmão de outra crença: Jorge da Capadócia, o Santo.

Envie teus soldados, grandioso General da Umbanda!

Ordene a Beira-Mar, Ogum Iara, Sete Ondas e Timbiri que vigiem a Costa Atlântica de todas as nações.

Ordene a Rompe Mato que levante todas as lanças contra os que ousarem destruir nossas florestas.

Ordene a Matinata que use sua espada estrelar pela Paz em nosso céu.

Ordene a Megê que use a primeira espada para lutar contra os soldados das trevas.

Seja em sete vezes o infinito a tua proteção sobre a Pátria do Evangelho.

Chame os Arcanjos, Pai!

Chame Nossa Senhora, Pai!

Chame Astaroth e seus comandados das Sete Místicas Encruzilhadas, Pai!

O Cristo direciona teus lanceiros!

Mas, rogamos: vinde!

Traga-nos a Paz com tua Espada de Luz!

Expulse de nosso Planeta a doença, o choro e o ranger de dentes.



Produção:

Sobre

Jeaney é Professora de Língua Portuguesa e Literatura, Jornalista e autora dos romances Capa de Veludo (ditado por Exu Veludo) e Uma nova chance (intuído por Pai Benedito de Angola). Coautora do livro Candomblé em Família, Biografia do Babalorixá Jorge Jauanilê Caribé. Umbandista e pesquisadora das religiões de matriz africana.


Visite as redes sociais de Jeaney Calabria: Facebook | Instagram





82 visualizações0 comentário
pôr do sol
pauta1-removebg-preview.png

Acesse nossas redes sociais

  • Facebook
  • Instagram
  • Twitter
  • YouTube
  • whatsapp icone